(17) 3304-6876 ou 9 9673-5105 - Segunda a Sexta - 08:30 às 17:00

contato@sunsetweb.com.br

8 maneiras de diminuir custos de marketing e vendas no setor automotivo

Marketing Digital em 11/12/2020

8 maneiras de diminuir custos de marketing e vendas no setor automotivo

Boa parte do sucesso de uma empresa depende da otimização de custos, principalmente no setor automotivo em que os altos e baixos do mercado são constantes.

 

Sendo assim, toda decisão nos negócios precisa ser antes bem planejada para não comprometer o funcionamento da organização. Muitas vezes tais decisões envolvem a diminuição ou realocação de custos.

 

Quando se trata de  marketing e  vendas a lógica é a mesma. Mesmo sendo duas áreas importantes, às vezes é necessário enxugar os custos e adaptar a estrutura de trabalho para que ela seja o mais otimizada possível, atendendo a realidade da empresa.

 

Continue lendo para saber como diminuir os custos de marketing e vendas no setor automotivo!

 

Marketing no setor automotivo

Estratégias de marketing são ferramentas indispensáveis para o sucesso de uma empresa, pois elas ajudam a otimizar questões essenciais aos negócios, identificam as necessidades e desejos do consumidor, analisam a concorrência, definem maneiras de abordagem, entre outros fatores que influenciam diretamente nos resultados positivos.

 

Nas empresas automotivas, elas se tornam ainda mais necessárias. Esse nicho é delicado, já que por vender produtos que exigem grandes investimentos nem sempre o setor estará super aquecido. Por isso, contar com ideias criativas que ajudem a trazer e fidelizar clientes é primordial.

 

Além disso, o marketing é essencial para que a empresa se diferencie no mercado e seja a escolha do consumidor final. 

 

Tudo isso pode ser feito sem precisar de gastos astronômicos. É completamente possível chegar no consumidor de forma relevante com um orçamento enxuto, investindo em posicionamento de marca e na proximidade com as pessoas.

 

Imagine, por exemplo, uma empresa de consórcio de carros usado; A equipe de marketing responsável desenvolveu um site bem estruturado com a produção de conteúdos relevantes sobre a área além de apostar na interatividade com o público.

 

Vendas no setor automotivo

A ideia de que as vendas são sinônimo de lucratividade tem sido questionada, pois cada venda fechada também demanda várias despesas. Sendo assim, para que a margem de lucro seja satisfatória é necessário rever os custos envolvidos.

 

Em uma empresa de alinhamento e balanceamento, por exemplo, a cada cliente novo é gasto dinheiro com equipe de marketing e atendimento, mídias pagas,

infraestrutura, entre outros.

 

Com o tempo os gestores perceberam que os custos estavam se sobrepondo aos lucros com as vendas. Assim, optaram por remodelar o processo de venda e marketing mas sem perder a qualidade.

 

Confira algumas alternativas de como essas mudanças podem ser feitas.

 

Dicas de redução de custos em marketing e vendas

1.Utilize o marketing digital

O marketing digital é realizado em canais como sites, blogs, redes sociais, etc, e tem como principal característica atingir diretamente o público-alvo por meio de conteúdos híbridos que misturam textos, fotos, vídeos, entre outros formatos.

 

Umas das grandes vantagens em se investir na divulgação nos meios digitais é o baixo custo se comparado ao veículos tradicionais. Assim, é possível apostar na divulgação da empresa sem comprometer boa parte do orçamento.

 

Além disso, a internet oferece meios de acompanhar o retorno sobre os investimentos e monitorar diariamente o desempenho das ações de divulgação quase instantaneamente. Tudo isso ajuda a controlar gastos e aumentar a eficácia do trabalho de marketing.

 

Uma pequena empresa do ramo de cotações de seguro auto, por exemplo, pode acompanhar toda sua campanha nas redes sociais sem precisar de uma grande infraestrutura. Basta um computador, um profissional capacitado e investimentos em anúncios e produção de conteúdo.

 

Vale ressaltar, no entanto, que, apesar disso, marketing digital não é tão fácil quanto parece.

 

2.Analise o cenário das vendas

Muitas vezes as empresas acabam gastando muito dinheiro por montarem estruturas de vendas visando aonde elas querem chegar ao invés da verdadeira realidade. Esse é um erro crucial que pode fadar o negócio a falência.

 

Por isso,  respeite a real situação da sua empresa, observe o seu porte, custos dos serviços e a rentabilidade dos negócios. A partir disso, verifique as necessidades dos seus clientes, o quanto eles gastam com a sua empresa e quanto é necessário para atender cada um deles.

 

O objetivo é simplesmente compreender se o custo para atender aos clientes é alto e se sobrepõe ao lucro gerado pelas vendas.


Uma análise assim permite com que a empresa automotiva compreenda que cada cliente e seu processo de compra são únicos ao mesmo tempo em que detecta certos certos padrões e foca em clientes estáveis e lucrativos.

 

3.Faça ações de vendas e marketing com empresas parceiras

Essa estratégia é denominada co-marketing  e é uma ótima dica para as empresas que querem reduzir custos.

 

Basicamente, você irá criar parcerias com outras empresas para criar ações conjuntas de marketing e vendas aproveitando certas características dos produtos de ambos.

 

Por exemplo, uma empresa de manutenção de cabine de pintura pode fazer parceria com uma oficina de restauração de carros para montar uma ação de marketing que divulgue os serviços das duas.

 

A partir dessa união de esforços as duas empresas podem dividir custos e ainda alcançar um público maior.

 

4.Otimize o tempo das vendas

A frase “tempo é dinheiro” faz muito sentido para essa situação. Quanto mais tempo uma venda demora para ser concretizada maiores serão os custos e menos novas vendas poderão ser feitas.

 

No caso das concessionárias, por exemplo, o processo de venda envolve atendimento, negociação, test-drive e documentação. Todo esse período leva tempo.

 

Sendo assim, para que os custos sejam diminuídos é preciso otimizar o tempo que os vendedores gostam vendendo.

 

Por isso, é imprescindível que eles não percam tempo com possíveis clientes que não irão de fato fechar negócio. Isso é ainda mais importante em tempos de mercado instável, quando muitas pessoas resistem em comprometer-se e comprar um carro.

 

Para que mais vendas aconteçam deve-se aumentar o tempo em que os vendedores se dedicam às vendas.O que quer dizer deixar de delegar a eles funções administrativas, como elaboração de relatórios e atendimentos preliminares.

 

5.Tenha suporte pré-venda

Essa é uma dica que faz parte do tópico anterior. Como dito acima, alguns vendedores perdem tempo realizando outras tarefas e não conseguem dedicar-se totalmente às vendas.

 

Para que eles fiquem focados apenas nas negociações é interessante formar um pequeno time que será responsável pela prospecção de potenciais clientes, (geralmente identificados nas ações de marketing) o que vai garantir uma venda mais certeira, poupando tempo e investimento em ações ineficazes.

 

6.Fidelize clientes

O dinheiro investido na captação de novos clientes compromete boa parte do orçamento e custa mais do que manter a clientela já existente ativa. Sendo assim, um jeito de enxugar os custos é focar no estreitamento do relacionamento com aqueles que já conhecem a sua empresa.

 

Para fazer isso é possível elaborar uma estratégia de comunicação para manter as pessoas conectadas com a sua empresa mesmo depois da compra, criar programas de fidelização, otimizar o trabalho de CRM, criar metas de reativação de clientes, e outras inúmeras estratégias.

 

A empresa do exemplo anterior pode criar condições especiais para o cliente que fechar um novo projeto de cabine de pintura. Assim, ele se sentirá especial e manterá o interesse.

 

7.Integre as equipe de marketing e vendas

A partir daqui já ficou claro que vendas e marketing andam juntas. Por isso, integrar as duas equipes é uma medida que vale a pena e reduz gastos.

 

Além disso, quanto mais integradas estiverem as duas equipes, mais assertivas serão as ações de prospecção de vendas e fidelização de clientes.

 

Enquanto a equipe de marketing atrai novos clientes e coleta informações sobre eles, a equipe de venda se prepara com base nos dados coletados para fechar negócio.

 

Outra vantagem é que ao mesclar as funções das duas áreas os custos operacionais diminuem enquanto os resultados melhoram.

 

Agora que você já sabe de algumas medidas que podem diminuir os custos da sua empresa, chegou a hora de colocá-las em prática. Lembre-se também que existem outros recursos que podem te ajudar com isso.

 

Caso precise, conte com a ajuda de uma consultoria em gestão para determinar quais são as melhores medidas para o seu negócio.

Coletamos dados para melhorar o desempenho e segurança do site. Confira nossa
Política de privacidade

Faça um orçamento conosco

Clique para chamar no WhatsApp